quarta-feira, 31 de dezembro de 2008

Época de balanços

Como todos sabem, quase sempre é no ultimo dia do ano que se pára um pouco, e se faz uma breve retrospectiva (que muitas vezes não é assim tão breve) do que se passou ao longo dos anteriores 364 dias... Por isso, este blog não poderia ficar em branco num dia tão importante como este.

Gritos:

- Sem dúvida o pior grito do ano, é para observarmos a situação em que o país se encontra. Numa época marcada pela tecnologia, e pelos avanços da mesma, vemos acontecerem coisas que eram impensáveis há bem pouco tempo. Como admitir cenas vergonhosas como a da aluna do Porto em disputa do telemóvel, com a docente? Não se admitem e ponto. Ouvem-se, vêm-se, sentem-se, comentam-se...e deveriam obrigar a reflectir. Quem o fez? Governo? Pais? Educadores? Professores? ... Alunos? Penso que ninguem conseguiu tirar conclusões sobre isto nem reflectiu dignamente sobre o assunto, e ficou tudo na mesma. Onde está a disciplina de outros tempos? O respeito?

- A educação não é um exclusivo. Vimos por este país fora fecharem urgências hospitalares, centros de saúde remodelados, fábricas liquidadas, desemprego, recessão (palavra feia...), e mesmo assim onde investimos? Claro está, pessoas ficam desempregadas aos milhares, mas temos o "magalhães"... viva o choque tecnológico, mas... onde está ele? substituiram-se as pessoas por magalhães?

- Discussão ad eternum sobre obras públicas... depois do clássico ("aeroporto na margem sul? Jamais") lá se prevê o aeroporto para Alcochete... e onde fica Alcochete? Na margem sul pois claro. No meio de um vasto deserto, pontuado aqui e ali por oásis, e onde a qualidade de vida (ainda) é um pouco melhor que em Lisboa... e onde o espaço e as acessibilidades podem ser desenvolvidas. Falando nas acessibilidade, o TGV, esse projecto absolutamente necessário, e que continuamos a prever como se se tratasse de incluir mais um comboio suburbano... (É necessário um TGV Lisboa - Porto com 3 paragens intermédias? Ou bastará reformular horários e o serviço do Alfa Pendular para se conseguir tempos que serão melhores que os do TGV) ou então levar a linha desde Lisboa à Fronteira Espanhola, no Caia, com 2 paragens em território nacional? Basicamente estamos a falar de um TGV à portuguesa ou seja... Teria Grande Velocidade ... se o deixassem...

Gostos:

- Foi um ano de descobertas e de novidades... no panorama musical, tivemos altos e baixos. Para quem gosta do género (e sim, eu sou um deles...) devorei com crescente interesse os 3 dias de Ópera em São Carlos, com as reposições de "Rheingold" e de "Die Walkure" de Wagner, assim como a estreia de "Siegfried"... eu que me considero há muitos anos um Wagneriano convicto, não poderia ter deixado de assisitr finalmente a uma produção destas em Portugal... e foi realmente bom. E deixa-me com água na boca para que em 2009 (assim espero) possa assistir à parte final desta Tetralogia de "O Anel do Niebelungo", o "Gotterdammerung" ("Crepusculo dos Deuses")...

- Saber apreciar uns cafézitos, escrever umas coisas de vez em quando... eu que quase sempre senti alguma resistência a escrever em blogs, lá fui arrastado... mas mesmo assim com muito gosto, e é por isso que mesmo não com uma frequência exacta, as coisas lá vão aparecendo...

- Descobrir uma pessoa com quem partilhamos os momentos do quotidiano. É sem duvida alguma importante, e marcante. Ter a capacidade de observar, absorver, partilhar momentos, é uma das coisas mais importantes na vida. Este é o meu ponto alto de 2008 (e espero que de 2009, 2010, 2011, 2012, 2013, 2014, 2015, 2016 ... e por aí fora)

Gatafunhos:

- Sem dúvida que rir é o melhor remédio... e se há gatafunhos com fartura por esse país fora, é só andar e descobri-los... fotografá-los e continuar a partilhar com todos os que nos seguem, e que espero que ainda venham a ser muitos mais no próximo ano de 2009.


Em jeito de conclusão, espero e desejo sinceramente a todos que o ano de 2009 se não puder ser melhor, que pelo menos seja igual a este... e vamos acreditar que melhora. Feliz Ano de 2009 a todos.

Um comentário:

pinguim disse...

Um bom panorama deste nosso país e das suas peculiariedades; é sempre bom fazer estes balanços para podermos meditar no que correu mal e como, eventualmente, se poderia ter evitado...
Bom 2009, apesar das expectativas...
Abraço.