sexta-feira, 26 de fevereiro de 2010

Madeira, um caso de inspiração?

Sei que o título pode ser estranho mas eu explico o porquê.

Sem dúvida que a tragédia da Madeira foi inesperada mas ao mesmo tempo havia avisos da má organização no que toca a contrução de casas em sitios de risco. Mas pondo isso de parte, aquilo que me faz pensar e sentir bem, porque nunca se sabe o que pode acontecer após um desastre natural, é o facto de o povo madeirense se ter juntado imediatamente para arrumar o que a natureza desarrumou, após uma semana são bem visíveis os trabalho de limpeza na baixa, já existem lojas abertas, muitas das lojas já estão quase prontas, e pelas palavras de um madeirense na televisão:"Tudo está a voltar ao normal e é graças ao facto de todos se juntarem e ajudarem uns aos outros". Será que é este comportamente que nos define verdadeiramente como "seres civilizados"? Acho que não há maior acto de altruísmo humano que este exemplo. Infelizmente há sempre um outro indivíduo que aproveita para roubar algumas coisas mas felizmente foi apenas uma vez e não se voltou a registar mais casos.
Infelizmente as zonas mais afectadas vão precisar de muito trabalho, é preciso é ter força, continuar em frente e lembrar os que partiram.

Um comentário:

pinguim disse...

Caro Ricardo
independentemente do que aqui afirmas e a que dou o meu total apoio, há muita coisa "mal trabalhada" neste caso e que não envolve a população madeirense...
Se leste o que está dito no meu post e comentários, sabes ao que me refiro.
Abraço.